Silvestre Kuhlmann

Silvestre Kuhlmann É professor, cantor e compositor, arranjador e produtor musical. Bacharel em violão erudito pela Faculdade de Música Carlos Gomes. Para conhecer mais da vida e da obra de Silvestre Kuhlmann visite seu site em http://www.silvestre.mus.br/.

· A Mais Bela Poesia, Silvestre Kuhlmann – Álbum Completo em MP3

“A Mais Bela Poesia”, de Silvestre Kuhlmann. Lançado em 2005 com produção musical de Silvestre Kuhlmann. Álbum completo com 13 músicas em MP3 de alta qualidade. PARA DOWNLOAD EM MP3!

Additional DescriptionMais Detalhes

Músicas:
01 – A Mais Bela Poesia (Silvestre Kuhlmann) – 2:19

02 – Sinfonia Da Mata (Isaias de Oliveira e Silvestre Kuhlmann) – 3:28

03 – Teus Atributos (Silvestre Kuhlmann) – 2:52

04 – Entre o Nada e o Tudo (Isaias de Oliveira e Silvestre Kuhlmann) – 2:57

05 – Vasto Mar Alto (Silvestre Kuhlmann e André Santana) – 3:21

06 – Tenho Música Em Mim (Ricardo Gondim e Silvestre Kuhlmann) – 3:32

07 – Jornada (Silvestre Kuhlmann e Anderson de Goes Monteiro) – 3:40

08 – Teu Estar (Isaias de Oliveira e Silvestre Kuhlmann) – 3:10

09 – Ide (Eliezer Costa de Aquino e Silvestre Kuhlmann) – 3:40

10 – Adoração (Silvestre Kuhlmann) – 3:23

11 – Figuras (Silvestre Kuhlmann) – 3:31

12 – Viver Com Deus (Silvestre Kuhlmann) – 3:50

13 – Extensão (Silvestre Kuhlmann) – 3:46

Sobre o álbum “A Mais Bela Poesia”:
Gravado e mixado nos estúdios da Rádio Transmundial em março/outubro de 2005, foi produzido e arranjado pelo próprio Silvestre. A arte e as telas são assinadas pelo Anderson de Goes Monteiro.

Sobre o autor:
Saiba sobre a história, a obra e também notícias, artigos e a agenda do Silvestre Kuhlmann no seu site e blog no endereço silvestre.mus.br

Sobre o Produto:
- Nº de Músicas: 13
- Tempo Total: 43:24
- Formato das Músicas: MP3 estéreo 192 kbps
- Formato do Download: Compactado ZIP 59,5 MB


link:
text:

R$ 15,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

· viOleiro, Silvestre Kuhlmann – Álbum Completo em MP3

Décimo CD de Silvestre, tem por objetivo unir a tradição harmônica dos hinos à tradição da viola caipira, talvez o mais brasileiro de todos os instrumentos. Gravado e mixado no Estúdio Intermix em Guarulhos, entre Setembro de 2012 e Março de 2013. Direção de Arte: Anderson Monteiro. Álbum completo com 12 músicas em MP3 de alta qualidade. PARA DOWNLOAD EM MP3!

Additional DescriptionMais Detalhes

Músicas:
01 – Conta as Bênçãos (Edwin Othelo Excell) – 3:20

02 – Deus Está Presente (Joachim Neander) – 2:42

03 – Mestre, o Mar se Revolta (Horatio R. Palmer) – 5:35

04 – Cristo Já Ressuscitou (Hinário Inglês) – 2:36

05 – Mais Eu Sei em Quem Tenho Crido (James McGranahan) – 3:23

06 – Mais Perto Quero Estar (Lowell Mason) – 3:04

07 – Que Segurança, Sou de Jesus (Phoebe P. Knapp) – 3:28

08 – Quão Preciosas São as Horas (George C. Stebbins) – 3:19

09 – Santo, Santo, Santo (John Bacchus Dykes) – 3:04

10 – Sou Feliz Com Jesus (Phillip Paul Bliss) – 4:02

11 – Oh, Vinde Fiéis! (John Francis Wade) – 3:57

12 – Com Tua Mão Segura Bem a Minha (Hubert Platt Main) – 2:03

Sobre o álbum “viOleiro”:
Gravado e mixado no Estúdio Intermix em Guarulhos, entre Setembro de 2012 e Março de 2013. Direção de Arte: Anderson Monteiro.

Sobre o autor:
Saiba sobre a história, a obra e também notícias, artigos e a agenda do Silvestre Kuhlmann no seu site e blog no endereço silvestre.mus.br

Sobre o Produto:
- Nº de Músicas: 12
- Tempo Total: 40:55
- Formato das Músicas: MP3 estéreo 192 kbps
- Formato do Download: Compactado ZIP 85,6 MB


link:
text:

R$ 15,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

A Mais Bela Poesia – Silvestre Kuhlmann

Canção que dá título ao álbum “A Mais Bela Poesia”, de Silvestre Kuhlmann lançado em 2005. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

A Mais Bela Poesia
Silvestre Kuhlmann

Esta é a mais bela poesia:
Ver o Rei numa estrebaria.
Esta é a mais bela poesia:
O Deus onipotente
Dependente do colo de Maria;
Esta é a mais bela poesia!

Aquele que forjou o universo
Trabalhou numa carpintaria;
Aquele que cavalga nas asas do vento
Fez do jumentinho sua montaria

Esta é a mais bela poesia:
Ver Jesus em nosso dia-a-dia
E no meio dessa correria
Fazer com Ele parceria, melodia
E ver, no simples, a mais bela poesia.

Sobre a canção:
Voz e violões: Silvestre – Violino e viola: Miriam Bochio – Vocais: Stênio Marcius e Silvestre

Sobre o álbum “A Mais Bela Poesia”:
Gravado e mixado nos estúdios da Rádio Transmundial em março/outubro de 2005, foi produzido e arranjado pelo próprio Silvestre. A arte e as telas são assinadas pelo Anderson de Goes Monteiro.

Sobre o autor:
Saiba sobre a história, a obra e também notícias, artigos e a agenda do Silvestre Kuhlmann no seu site e blog no endereço http://www.silvestre.mus.br/.

Sobre o arquivo:
- Tempo: 2:19
- Tamanho: 3,3 MB
- Formato: MP3 estéreo 192 kbps


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

A Pedra de Amolar – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do album “Dedo de Prosa”, de Silvestre Kuhlmann lançado em 2008. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

A Pedra de Amolar
Roberto Diamanso/Silvestre Kuhlmann

Aquele que, comigo,
Quando eu choro, chora,
Aquele que comigo dança.
A este jamais direi:
Ora, não me amoles!

Porque se como o ferro
com ferro se afia
afia o homem a seu amigo,
isto hoje te digo: podes me amolar!

Oh! Deus,
Dá que quando entre eu e meu amigo
Houver atrito
a ponto de sair faísca de fogo,
Que eu não me desaponte
Porque est tal
É enviado teu
pra que eu não fique cego.

Porque cego não vê
Que sem o esmeril
Se perde o fio, o gume,
Quem pode perceber
Não perde a comunhão, assume
Estende a mão, aceita
A pedra de amolar

Sobre a canção:
Voz, violão e viola: Silvestre – Percussão: Jica

Sobre o álbum “Dedo de Prosa”:
Lançado em 2008, é um CD que busca um som intimista e simples, com a finalidade de ressaltar a letra das canções e a artesania das cordas. Além do violão, Silvestre toca neste trabalho a viola, o cavaquinho e o bandolim. Tem parcerias com Isaías Oliveira, Roberto Diamanso e Stênio Marcius. Foi produzido nos Estúdios Buena Onda, junto a Claudio Martos. Com participação dos amigos Alexandre Viriato (baixos acústicos e elétrico), Daniel Cavalcanti (flauta transversal), Jonas Souza (guitarra), Jica (percussão) e Stênio Marcius (vocal). A arte da capa é de Anderson Góes Monteiro.

Sobre o autor:
Saiba sobre a história, a obra e também notícias, artigos e a agenda do Silvestre Kuhlmann no seu site e blog no endereço www.silvestre.mus.br.

Sobre o arquivo:
- Tempo: 2:21
- Tamanho: 4,4 MB
- Formato: MP3 estéreo 256 kbps


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Adoração – Silvestre Kuhlmann

Canção que dá título ao album “A Mais Bela Poesia”, de Silvestre Kuhlmann lançado em 2005. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Adoração
Silvestre Kuhlmann

Nós, indignos, declaramos Tua dignidade;
Nós,pecadores, adoramos Tua santidade.
Nós, teus filhos, nos alegramos por Tua paternidade;
Nós, carentes, agarramos o Deus da nossa necessidade.

Nós, unidos por Teu sangue, somos Igreja, comunidade;
Outrora rebeldes, nos sujeitamos à Tua autoridade.
Nós queremos nos dar por inteiro, não pela metade;
Nós clamamos Tua presença hoje e por toda a eternidade.

Maranata, ora vem, nós Te aguardamos;
Maranata, ora vem, enquanto Te adoramos.
Ver-Te, tocar-Te, ouvir-Te, provar-Te,
É o que desejamos.

Cantar com arte,
Servir-Te, amar-Te,
O coração entregar-Te.

Nós, indignos.

Sobre a canção:
Voz, violões, guitarra e vocais: Silvestre – Vocais: Wesley Vasques – Pratos, caxixi e vaso: Gilson de Oliveira

Sobre o álbum “A Mais Bela Poesia”:
Gravado e mixado nos estúdios da Rádio Transmundial em março/outubro de 2005, foi produzido e arranjado pelo próprio Silvestre. A arte e as telas são assinadas pelo Anderson de Goes Monteiro.

Sobre o autor:
Saiba sobre a história, a obra e também notícias, artigos e a agenda do Silvestre Kuhlmann no seu site e blog no endereço http://www.silvestre.mus.br/.

Sobre o arquivo:
- Tempo: 3:23
- Tamanho: 4,8 MB
- Formato: MP3 estéreo 192 kbps


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Alegria Sem Mistura – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do álbum “Leve é a Pena”, de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2010 com produção musical de Silvestre. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Alegria Sem Mistura
Silvestre Kuhlmann

Cá na Terra não há alegria pura,
Também não vejo aqui amor perfeito;
Felicidade que mora em meu peito,
Com dor e com tristeza se mistura.

O prazer que desfruto pouco dura,
Melancolia vai comigo ao leito;
É um desassossego tão sem jeito,
Remendo nem remédio algum me cura.

Mas sei que um dia verei o Teu rosto,
E esta visão somente bastará,
Pra transformar em riso meu desgosto.

O brilho que há em Ti não findará,
E este luzir irei fitar com gosto,
E a glória Tua em mim transbordará.

Sobre a canção:
Silvestre Kuhlmann: violões, voz e vocais – Henrique Ramiro: violinos – Alexandre Viriato: baixo acústico – Gilson Oliveira: cajön, caixa, chimbal e pratos

Sobre o álbum “Leve é a Pena”:
Álbum autoral de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2010. Gravado e mixado no estúdio Intermix. Técnico de som: Raí Brasil – Mixagem: Raí Brasil e Silvestre Kuhlmann – Direção de arte e telas: Anderson Monteiro – Fotos: Marusia Saraiva.

Sobre o autor:
Para saber mais sobre Silvestre Kuhlmann visite seu site em silvestre.mus.br

Sobre o arquivo:
- Tempo: 2:21
- Tamanho: 5,5 MB
- Formato: MP3 estéreo 320 kbps
- Compactado com ZIP


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Alvíssaras! – Silvestre Kuhlmann

Canção que dá título ao album “Alvissaras!”, de Silvestre Kuhlmann lançado em 2003. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Alvissaras!
Silvestre Huhlmann e Glauber Plaça

Eu vou tocar a trombeta e o tambor
Erguer alto a bandeira, ser o portador
Da notícia alvissareira, chegou o nosso Libertador

Calou a serpente que mente
A voz do acusador
Amordaçou a boca do inimigo
Leão rugidor

A té mesmo a própria morte Ele domou
Não há besta-fera que sua espada não intimidou
Nomeou-nos cavaleiros, temo o brasão da cruz
A vitória está prevista
O General bate em revista às tropas

Sobre a canção:
Voz e violão aço: Silvestre – Violão nylon: Glauber Plaça – Guitarra: Omar Campos – Baixo: Ocimar Campos – Bombo legueiro, talkin’drum, cowbell e caxixi: Jica – Pandeiro e bongôs: Edir Gonçalves – Shaker: Fernando Soler – Vocais: Silvestre e Glauber Plaça

Sobre o álbum “Alvissaras!”:
A produção é de Omar Campos. Oswaldinho do Acordeon dá uma pitada especial em algumas das canções. O álbum tem a participação vocal de Glauber Plaça, Joel Cardoso, André Santana e Sônia Polonca. A direção de arte e telas é feita por Anderson de Goes Monteiro.

Sobre o autor:
Saiba sobre a história, a obra e também notícias, artigos e a agenda do Silvestre Kuhlmann no seu site e blog no endereço http://www.silvestre.mus.br/.

Sobre o arquivo:
- Tempo: 3:20
- Tamanho: 4,7 MB
- Formato: MP3 estéreo 192 kbps


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Amor Sem Dimensões- Silvestre Kuhlmann

Canção que dá título ao album “O Quadro Mais Elevado do Homem”, de Silvestre Kuhlmann lançado em 2000. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Amor Sem Dimensões
Silvestre Kuhlmann

Ninguém pode medir, ninguém pode sondar
o amor de Jesus pelo mundo é infinito e mais…
mais alto que o céu, mais profundo que o mar
não tem dimensões, com nada se pode comparar
olhando pra cruz, fico mudo; é amor demais
amor transcedente que a mente não pode alcançar

deste amor tão forte, nem mesmo a morte
pode nos separar
que amor é este que dá sua vida por gente iníqüa?
quero me aninhar debaixo das asas de Jesus
o sol que não se põe, perpétua luz

Eu não posso fugir, aonde eu for ele vai me encontrar
perseguiu-me com calma, tocou-me na alma e mais…
mais alto que o céu, mais profundo que o mar
não tem dimensões, com nada se pode comparar
eu sei, não entendo, mais crendo vou mergulhar
no leito da água da vida que me satisfaz

Sobre a canção:
Violão, voz e vocais: Silvestre – Piano, teclados, programação de bateria: Carlos Carvalho – Guitarra: Miguel Garcia – Baixo: Júlio de Castro – Percussão: Edir Gonçalves – Vocais: Cássia San Martin

Sobre o álbum “O Quadro Mais Elevado do Homem”:
Segundo disco do Silvestre, uma produção independente lançada no ano de 2000 onde ele assina os arranjos, os violões, a voz e o cavaquinho.

Sobre o autor:
aiba sobre a história, a obra e também notícias, artigos e a agenda do Silvestre Kuhlmann no seu site e blog no endereço www.silvestre.mus.br.

Sobre o arquivo:
- Tempo: 3:09
- Tamanho: 5,9 MB
- Formato: MP3 estéreo 256 kbps


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Ao Senhor da Arte – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do álbum “Nome Bendito”, de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2011 com produção musical de Silvestre. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Ao Senhor da Arte
Eliézer Venancio/Silvestre Kuhlmann

Ao Senhor da Arte,
Eis de nossa parte,
Sons, palavras, nova canção.

Ao Senhor da Arte,
Um pincel na tela
Espelhando a bela criação

Tu, Senhor da Arte,
Nos deste alento
Teu é todo o dom, todo o talento

Ó Senhor da Arte,
Estejas atento
À nossa sincera adoração.

Sobre a canção:
Silvestre Kuhlmann: violões, baixo, voz e vocais

Sobre o álbum “Nome Bendito”:
9º álbum autoral de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2011. Gravado e mixado no estúdio Intermix. Técnico de som: Raí Brasil – Mixagem: Raí Brasil e Silvestre Kuhlmann – Arte: Misael Nunes – Fotos: Marusia Saraiva.

Sobre o autor:
Para saber mais sobre Silvestre Kuhlmann visite seu site em silvestre.mus.br

Sobre o arquivo:
- Tempo: 2:25
- Tamanho: 5,7 MB
- Formato: MP3 estéreo 320 kbps
- Compactado com ZIP


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Apesar do Meu Pecar – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do album “O Quadro Mais Elevado do Homem”, de Silvestre Kuhlmann lançado em 2000. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Apesar do Meu Pecar
Silvestre Kuhlmann

No princípio criou Deus o céu, a terra, o mar
o céu povoou de estrelas; o mar, de peixes, baleias
na terra vegetais, minérios e animais
pra coroar a criação deu ao homem espírito e razão

Com espírito, razão e poder de opção
ainda assim se desviou, a outros deuses se inclinou
continuou o bom Deus
mandando a todos, a respiração
boa chuva à terra dava pra crescer a plantação

Ele é fiel, suas misericórdias novas são
mas o homem tem um duro coração

Apesar do meu pecar, o bom Deus não hesitou
em mandar o seu filho à terra, sem beleza externa
entre nós ele habitou, a nós todos ensinou
por nós intercedeu, por nossos pecados morreu

Deixe-se levar pelo sangue do Cordeiro Mudo
se a Ele se entregar, ressurreto voltará
ressurreto voltará para te buscar
pra te levar, pra tua lágrima enxugar
pra com ele pra sempre morar
em paz morar, morar

Sobre a canção:
Violão, voz e vocais: Silvestre – Piano, teclados, programação de bateria: Carlos Carvalho – Guitarra: Miguel Garcia – Baixo: Júlio de Castro – Percussão: Edir Gonçalves – Vocais: Cássia San Martin

Sobre o álbum “O Quadro Mais Elevado do Homem”:
Segundo disco do Silvestre, uma produção independente lançada no ano de 2000 onde ele assina os arranjos, os violões, a voz e o cavaquinho.

Sobre o autor:
aiba sobre a história, a obra e também notícias, artigos e a agenda do Silvestre Kuhlmann no seu site e blog no endereço www.silvestre.mus.br.

Sobre o arquivo:
- Tempo: 3:52
- Tamanho: 7,2 MB
- Formato: MP3 estéreo 256 kbps


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Ar Da Graça – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do álbum “Milagres”, de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2009 com produção musical de Silvestre. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Ar da Graça
Roberto Diamanso/Silvestre Kuhlmann

A poesia há de vir
Enquanto a gente bota a mão
Na massa.
Enquanto a gente assa o pão,
Vem a inspiração.
Vem cá, irmão:
Vem que a canção vai dar
O ar da graça!

Graça suficiente que alegra a vida
E a gente mostra os dentes num sorriso.
Graça que se extravasa em nossas mãos
Se a gente enche a laje em mutirão
Quando é preciso;

Porque preciso é justo ao necessário,
Nem forte, nem fraco,
Nem retardatário,
Nem antes do tempo.

Movimento de acrobata, exato;
Se a vida é por um triz,
Entrego ao Deus atento.

Sobre a canção:
Silvestre Kuhlmann: violões, caxixis, chocalho, bloco sonoro, triângulo, voz e vocais – Cézar do Acordeon: acordeon – Alexandre Viriato: baixo elétrico – Gilson Oliveira: zabumba

Sobre o álbum “Milagres”:
Álbum autoral de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2009. Gravado e mixado no estúdio Remix, em Guarilhos (SP) de 19/12/2008 a 30/05/2009. Técnico de som: Raí Brasil – Mixagem: Raí Brasil e Silvestre Kuhlmann – Direção de arte e telas: Anderson Monteiro – Fotos: Marusia Saraiva e Fê Lopes.

Sobre o autor:
Para saber mais sobre Silvestre Kuhlmann visite seu site em silvestre.mus.br

Sobre o arquivo:
- Tempo: 2:55
- Tamanho: 6,8 MB
- Formato: MP3 estéreo 320 kbps
- Compactado com ZIP


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Belém do Pará – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do album “Dedo de Prosa”, de Silvestre Kuhlmann lançado em 2008. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Belém do Pará
Silvestre Kuhlmann

Bela é Belém da Judéia,
Bela é Belém do Pará;
Mais bela é a cidade
Em que eu irei com Cristo morar.

Dura é a madeira de lei,
Pau ferro, mogno, cedro;
Mais duro foi o lenho
Que Cristo teve que suportar.

Precioso é o metal
Da serra dos Carajás;
Mais preciosa é a coroa
Que aos pés do Rei vou depositar.

Certa é a chuva que vem
De tardezinha desaguar;
Mais certo estou que Cristo
Vem sua amada Igreja buscar.

Saboroso é o cupuaçu,
O taperebá, o açaí;
Mais doces são os frutos
Que a Videira vai gerar em mim.

É tão longo e profundo,
É largo este rio-mar;
O amor de Deus é alto,
Longo, largo e profundo,
É maior que o mundo.

Sobre a canção:
Voz e violões: Silvestre – Flauta transversal: Daniel Cavalcanti

Sobre o álbum “Dedo de Prosa”:
Lançado em 2008, é um CD que busca um som intimista e simples, com a finalidade de ressaltar a letra das canções e a artesania das cordas. Além do violão, Silvestre toca neste trabalho a viola, o cavaquinho e o bandolim. Tem parcerias com Isaías Oliveira, Roberto Diamanso e Stênio Marcius. Foi produzido nos Estúdios Buena Onda, junto a Claudio Martos. Com participação dos amigos Alexandre Viriato (baixos acústicos e elétrico), Daniel Cavalcanti (flauta transversal), Jonas Souza (guitarra), Jica (percussão) e Stênio Marcius (vocal). A arte da capa é de Anderson Góes Monteiro.

Sobre o autor:
aiba sobre a história, a obra e também notícias, artigos e a agenda do Silvestre Kuhlmann no seu site e blog no endereço www.silvestre.mus.br.

Sobre o arquivo:
- Tempo: 3:00
- Tamanho: 5,6 MB
- Formato: MP3 estéreo 256 kbps


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Caminho de Emaús – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do álbum “Leve é a Pena”, de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2010 com produção musical de Silvestre. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Caminho de Emaús
Silvestre Kuhlmann

Andando no caminho de Emaús
Com minhas esperanças já perdidas,
Com minhas vistas tão escurecidas,
Não via que ao meu lado ia Jesus.

Que perguntou: “Por que estás tristonho?”
Falei: És Tu o único que ignoras?
Quem em Jerusalém passou as horas,
Na sepultura viu findar o sonho.

Expôs-me as Escrituras com beleza,
E enquanto Ele falava me ardia
O peito. Disse a Ele: Vai-se o dia,

Fique comigo, sente-se à mesa.
E quando abençoou, partiu o pão,
Vi ressurgir a minha salvação.

Sobre a canção:
Silvestre Kuhlmann: violões, baixo, voz, vocais, caxixis, chocalho, bloco sonoro e triângulo – Cézar do Acordeon: acordeon – Itagyba Kuhlmann: violoncelo – Roberto Diamanso: moringa

Sobre o álbum “Leve é a Pena”:
Álbum autoral de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2010. Gravado e mixado no estúdio Intermix. Técnico de som: Raí Brasil – Mixagem: Raí Brasil e Silvestre Kuhlmann – Direção de arte e telas: Anderson Monteiro – Fotos: Marusia Saraiva.

Sobre o autor:
Para saber mais sobre Silvestre Kuhlmann visite seu site em silvestre.mus.br

Sobre o arquivo:
- Tempo: 3:30
- Tamanho: 8,2 MB
- Formato: MP3 estéreo 320 kbps
- Compactado com ZIP


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Cântico – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do álbum “Milagres”, de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2009 com produção musical de Silvestre. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Cântico
Silvestre Kuhlmann

Grandes e admiráveis
Tuas obras são, Senhor
Deus Todo Poderoso.
Justos, verdadeiros
Teus caminhos são,
Rei das Nações;
Quem não temerá
Nem glórias dará
Ao Teu nome, Senhor?
Pois só Tu és Santo,
Pois só Tu és Santo.
Por isso as nações virão
E adorarão diante de Ti;
Porque se fizeram manifestos
Os Teus atos de justiça.

Sobre a canção:
Silvestre Kuhlmann: violão e voz – Mariana Lanes Fernandes: violinos – Alexandre Viriato: baixo acústico

Sobre o álbum “Milagres”:
Álbum autoral de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2009. Gravado e mixado no estúdio Remix, em Guarilhos (SP) de 19/12/2008 a 30/05/2009. Técnico de som: Raí Brasil – Mixagem: Raí Brasil e Silvestre Kuhlmann – Direção de arte e telas: Anderson Monteiro – Fotos: Marusia Saraiva e Fê Lopes.

Sobre o autor:
Para saber mais sobre Silvestre Kuhlmann visite seu site em silvestre.mus.br

Sobre o arquivo:
- Tempo: 3:31
- Tamanho: 8,2 MB
- Formato: MP3 estéreo 320 kbps
- Compactado com ZIP


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Céu da Boca – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do álbum “Nome Bendito”, de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2011 com produção musical de Silvestre. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Céu da Boca
Isaias Oliveira/Silvestre Kuhlmann

O Fim dos tempos está chegando, meu irmão;
Se tu quiseres ver Davi, Abraão, Moisés,
Olha pro céu, vigia sempre em oração,
Toma cuidado com o crente que tu és.

Tem crente escoteiro que só vai em acampamento,
Crente Kodak, vive de revelação,
Crente foguete, a mente está no firmamento,
Mas se esquece de botar os pés no chão.

Meu irmão, vigia, não durma de touca,
Crente desse jeito não vai nem pro céu da boca.

Crente rocambole vive sempre enrolado,
Crente Zagalo, os outros têm que engolir
Carrinho de mão, só vai pra igreja empurrado,
Crente urso, no inverno, fica em casa pra dormir.

Meu irmão, vigia, se sua fé é pouca,
Crente desse jeito não vai nem pro céu da boca.

Sobre a canção:
Silvestre Kuhlmann: violões, baixo, viola, voz, vocais e chocalho – Gilson Oliveira: zabumba, pandeiro e caixa

Sobre o álbum “Nome Bendito”:
9º álbum autoral de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2011. Gravado e mixado no estúdio Intermix. Técnico de som: Raí Brasil – Mixagem: Raí Brasil e Silvestre Kuhlmann – Arte: Misael Nunes – Fotos: Marusia Saraiva.

Sobre o autor:
Para saber mais sobre Silvestre Kuhlmann visite seu site em silvestre.mus.br

Sobre o arquivo:
- Tempo: 2:31
- Tamanho: 5,9 MB
- Formato: MP3 estéreo 320 kbps
- Compactado com ZIP


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Chão de Se Arar – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do album “O Quadro Mais Elevado do Homem”, de Silvestre Kuhlmann lançado em 2000. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Chão de Se Arar
Silvestre Kuhlmann

Neste chão duro de se arar
brota fruto do cajueiro e cajá
logo deslumbrou-se meu olhar
com o coqueiro, duna, céu e verde mar

Deus de fortaleza, quero agora te adorar
por toda tua glória refletida neste mar
tudo é feitura de tua mão
meu grande mestre e supremo artesão

Como o vento molda e transforma areia em dunas,
regendo e enfileirando coqueirais
o Senhor recria o coração
de todo aquele que permite atuação

Vem, raça eleita
vem, se deleita
vem, raça eleita
vem, se deleita

Sobre a canção:
Violão, voz e vocais: Silvestre – Piano, teclados, programação de bateria: Carlos Carvalho – Guitarra: Miguel Garcia – Baixo: Júlio de Castro – Percussão: Edir Gonçalves – Vocais: Cássia San Martin

Sobre o álbum “O Quadro Mais Elevado do Homem”:
Segundo disco do Silvestre, uma produção independente lançada no ano de 2000 onde ele assina os arranjos, os violões, a voz e o cavaquinho.

Sobre o autor:
aiba sobre a história, a obra e também notícias, artigos e a agenda do Silvestre Kuhlmann no seu site e blog no endereço www.silvestre.mus.br.

Sobre o arquivo:
- Tempo: 3:37
- Tamanho: 6,7 MB
- Formato: MP3 estéreo 256 kbps


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Cheiro de Eternidade – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do álbum “Nome Bendito”, de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2011 com produção musical de Silvestre. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Cheiro de Eternidade
Silvestre Kuhlmann

Deste pão eu vou comer,
Deste vinho vou beber;
Ele tem cheiro de eternidade.

Este gesto eu irei
Repetir um dia,
Eu sei;

Eu cearei
Com Jesus na Glória.
Glória a Deus!

Sobre a canção:
Silvestre Kuhlmann: violões, baixo, voz e vocais

Sobre o álbum “Nome Bendito”:
9º álbum autoral de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2011. Gravado e mixado no estúdio Intermix. Técnico de som: Raí Brasil – Mixagem: Raí Brasil e Silvestre Kuhlmann – Arte: Misael Nunes – Fotos: Marusia Saraiva.

Sobre o autor:
Para saber mais sobre Silvestre Kuhlmann visite seu site em silvestre.mus.br

Sobre o arquivo:
- Tempo: 2:47
- Tamanho: 6,5 MB
- Formato: MP3 estéreo 320 kbps
- Compactado com ZIP


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Choro de Deus – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do album “Louvor ao Doador da Vida”, de Silvestre Kuhlmann lançado em 2002. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Choro de Deus
Silvestre Kuhlmann

Sou mar tão profundo e por mais que mergulhes
Os mistérios não cessam por todos os lados;
A cada braçada se vê tanta vida
Por Mim envolvida e que em Mim subsiste.

Sou tão grande tesouro e por mais fundo caves
Não se esgotarão as riquezas que trago
Em meu ser escondidas, gigantes jazidas,
Reservas imensas, insondáveis.

Te contentas com superfície,
Com ouro de tolo, o refugo e o raso;
Com pedras nas mãos não podes cavar,
Com os pés na areia não podes mergulhar.

Sou céu infinito e por mais que te aventures
Não há eternidade capaz de decifrar-me;
Vem, pois, desfrutar-me,não percas mais tempo,
Lança fora o refugo, tira os pés do chão.

Cedo venho,
Apressa o Reino;
Paga o preço,
Rende-te, sou teu Deus.

Sobre a canção:
Violão e voz: Silvestre – Violino: Mariana Lanes

Sobre o álbum “Louvor ao Doador da Vida”:
Lançado em 2002, o Silvestre produz e assina os arranjos. Além da voz, toca os violões, a viola caipira, cavaquinho, bandolim e a bandola. A arte da capa é de Anderson Góes Monteiro.

Sobre o autor:
Saiba sobre a história, a obra e também notícias, artigos e a agenda do Silvestre Kuhlmann no seu site e blog no endereço www.silvestre.mus.br.

Sobre o arquivo:
- Tempo: 2:58
- Tamanho: 5,5 MB
- Formato: MP3 estéreo 256 kbps


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Com Milhares de Tambores – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do álbum “Nome Bendito”, de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2011 com produção musical de Silvestre. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Com Milhares de Tambores
Silvestre Kuhlmann/Bruno Albuquerque

Com milhares de tambores,
Procissões de cantadores
Do sertão e da floresta
Vão sorrir, vão fazer festa;

Com seus brados e folias,
Gente do mundo inteiro
Louvará todos os dias
Nosso bendito Cordeiro.

Toda tribo, toda língua
Provará daquela Água;
Quem a bebe não tem sede
Pois do nosso Pai procede.

Resgatados por Seu sangue
Dos cerrados e do mangue
Cantarão um novo cântico:
A Ele tudo o que é rico,

A Ele tudo o que é nobre,
A Ele o ouro e o cobre,
A Ele que é nosso Amante
O rubi e o diamante;

Àquele por nós Amado,
Um tesouro incalculado;
Glórias e ações de graças,
Danças de todas as raças.

Àquele que está no trono,
Àquele que é nosso dono,
Toda honra e poder,
Toda força e saber.

Sobre a canção:
Silvestre Kuhlmann: violões, baixo, voz, vocais, caxixis, chocalho e triângulo – Gilson Oliveira: zabumba, pandeiro, tambor de água, cajön, caixa, tom, chimbal e pratos

Sobre o álbum “Nome Bendito”:
9º álbum autoral de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2011. Gravado e mixado no estúdio Intermix. Técnico de som: Raí Brasil – Mixagem: Raí Brasil e Silvestre Kuhlmann – Arte: Misael Nunes – Fotos: Marusia Saraiva.

Sobre o autor:
Para saber mais sobre Silvestre Kuhlmann visite seu site em silvestre.mus.br

Sobre o arquivo:
- Tempo: 3:50
- Tamanho: 8,9 MB
- Formato: MP3 estéreo 320 kbps
- Compactado com ZIP


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Confissões – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do album “Dedo de Prosa”, de Silvestre Kuhlmann lançado em 2008. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Confissões
Silvestre Kuhlmann (baseado nas “Confissões” de Santo Agostinho)

Tu nos fizeste para ti mesmo
E não encontraremos descanso
Enquanto não descansarmos em ti

A minha alma é estreita morada
Vem alargá-la para que a habites
E me inebries
A ponto de esquecer-me de mim.

És meu amado e único bem
E não há maior castigo ao pecado
Não há maior desventura
Que ficar distante de ti.

Sobre a canção:
Voz e violões: Silvestre

Sobre o álbum “Dedo de Prosa”:
Lançado em 2008, é um CD que busca um som intimista e simples, com a finalidade de ressaltar a letra das canções e a artesania das cordas. Além do violão, Silvestre toca neste trabalho a viola, o cavaquinho e o bandolim. Tem parcerias com Isaías Oliveira, Roberto Diamanso e Stênio Marcius. Foi produzido nos Estúdios Buena Onda, junto a Claudio Martos. Com participação dos amigos Alexandre Viriato (baixos acústicos e elétrico), Daniel Cavalcanti (flauta transversal), Jonas Souza (guitarra), Jica (percussão) e Stênio Marcius (vocal). A arte da capa é de Anderson Góes Monteiro.

Sobre o autor:
Saiba sobre a história, a obra e também notícias, artigos e a agenda do Silvestre Kuhlmann no seu site e blog no endereço www.silvestre.mus.br.

Sobre o arquivo:
- Tempo: 2:44
- Tamanho: 5,1 MB
- Formato: MP3 estéreo 256 kbps


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Conto Breve – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do album “Dedo de Prosa”, de Silvestre Kuhlmann lançado em 2008. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Conto Breve
Silvestre Kuhlmann

Como conto que se conta
brevemente,
como sombra que se vai
ligeiramente,
como sopro que se abranda
e logo cessa,
como relva que floresce
e cedo seca,
assim passa a vida da gente.

Como núvem que se desfaz e passa,
como brasa que fumega e se apaga,
como caminho curto, curta estrada
que nem bem começa
e se cruza a chegada,
nossa vida passa de repente.

Que o caminho seja o mais belo,
que a relva seja a mais verde,
que o conto semeie eternidade,
que a brasa ilumine,
que a núvem deságue.
Que o poeta faça valer a pena
Que a alma não seja pequena.

Sobre a canção:
Voz e violões: Silvestre – Percussão: Jica – Baixo: Alexandre Viriato

Sobre o álbum “Dedo de Prosa”:
Lançado em 2008, é um CD que busca um som intimista e simples, com a finalidade de ressaltar a letra das canções e a artesania das cordas. Além do violão, Silvestre toca neste trabalho a viola, o cavaquinho e o bandolim. Tem parcerias com Isaías Oliveira, Roberto Diamanso e Stênio Marcius. Foi produzido nos Estúdios Buena Onda, junto a Claudio Martos. Com participação dos amigos Alexandre Viriato (baixos acústicos e elétrico), Daniel Cavalcanti (flauta transversal), Jonas Souza (guitarra), Jica (percussão) e Stênio Marcius (vocal). A arte da capa é de Anderson Góes Monteiro.

Sobre o autor:
Saiba sobre a história, a obra e também notícias, artigos e a agenda do Silvestre Kuhlmann no seu site e blog no endereço www.silvestre.mus.br.

Sobre o arquivo:
- Tempo: 3:31
- Tamanho: 6,6 MB
- Formato: MP3 estéreo 256 kbps


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Convite – Silvestre Kuhlmann

Canção que dá título ao album “Louvor ao Doador da Vida”, de Silvestre Kuhlmann lançado em 2002. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Convite
Silvestre Kuhlmann

Viemos aqui para louvar
Viemos aqui para louvar
Com danças, instrumentos, ritmos e vozes
Quem tem os dons deve a Ele dedicar
Não fique parado, não fique calado
Pois você respira e está aqui para louvar

Viemos aqui para louvar
Viemos aqui para louvar
Quem é desafinado, dance, bata palmas
Quem é descoordenado, grite Aleluia
Não fique parado, não fique calado
Pois você respira e está aqui para louvar

Estou aqui para louvar porque nasci para louvar
E todo ser que pode respirar está aqui para louvar

Sobre a canção:
Violão, voz: Silvestre – Piano, programação de bateria: Carlos Carvalho – Guitarra: Miguel Garcia – Baixo: Júlio de Castro – Percussão: Edir Gonçalves – Vocais: Sônia Polonca, Priscila Barreto e Raquel Barreto

Sobre o álbum “Louvor ao Doador da Vida”:
Lançado em 2002, o Silvestre produz e assina os arranjos. Além da voz, toca os violões, a viola caipira, cavaquinho, bandolim e a bandola. A arte da capa é de Anderson Góes Monteiro.

Sobre o autor:
Saiba sobre a história, a obra e também notícias, artigos e a agenda do Silvestre Kuhlmann no seu site e blog no endereço www.silvestre.mus.br.

Sobre o arquivo:
- Tempo: 3:18
- Tamanho: 6,2 MB
- Formato: MP3 estéreo 256 kbps


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Coração ao Vento – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do album “Dedo de Prosa”, de Silvestre Kuhlmann lançado em 2008. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Coração ao Vento
Silvestre Kuhlmann/Silvestre Kuhlmann e Stênio Marcius

Não quero só saber acerca dele,
Mas sim, quero dizer
que Cristo é meu;
Não quero uma inútil sabedoria
Que incha e é só razão sem coração

Não quero o ativismo
ou obra morta
Que gira em torno de sí
e é sempre vão,
Mas quero, sim, provar
Do Pão da VIda
E da graça partilhar
Com meus irmãos,

Eu não quero confiar
Em minhas forças,
Pois sei que sou faldido pecador;
Mas seguir o vento,
O alento do consolador.

Beber da água da vida
e saciar-me
sentir o teu perfume,
Rosa de Sarom,
Contemplar o teu luzir,
Estrela matutina,
Ser guiado calmamente,
Por ti, bom pastor.

Sobre a canção:
Voz e violão: Silvestre – Percussão: Jica – Flauta transversal: Daniel Cavalcanti

Sobre o álbum “Dedo de Prosa”:
Lançado em 2008, é um CD que busca um som intimista e simples, com a finalidade de ressaltar a letra das canções e a artesania das cordas. Além do violão, Silvestre toca neste trabalho a viola, o cavaquinho e o bandolim. Tem parcerias com Isaías Oliveira, Roberto Diamanso e Stênio Marcius. Foi produzido nos Estúdios Buena Onda, junto a Claudio Martos. Com participação dos amigos Alexandre Viriato (baixos acústicos e elétrico), Daniel Cavalcanti (flauta transversal), Jonas Souza (guitarra), Jica (percussão) e Stênio Marcius (vocal). A arte da capa é de Anderson Góes Monteiro.

Sobre o autor:
Saiba sobre a história, a obra e também notícias, artigos e a agenda do Silvestre Kuhlmann no seu site e blog no endereço www.silvestre.mus.br.

Sobre o arquivo:
- Tempo: 2:54
- Tamanho: 5,4 MB
- Formato: MP3 estéreo 256 kbps


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Criatividade – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do album “Alvissaras!”, de Silvestre Kuhlmann lançado em 2003. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Criatividade
Silvestre Kuhlmann

Deus é o Regente de todos os sons
O troar, ribombar, os tons e semitons
O murmúrio dos rios, farfalhar das folhas
O pio do uirapuru

Ele é o Artífice de toda a forma
Juba do leão, penacho do pica-pau
Tromba do elefante, pescoço da girafa
Variado é o mundo animal

Ele coreografou movimentos
A cabriolagem, o golfinho rotator
O urubu observando em círculos
A “paradinha” do beija-flor

É Pintor do azul celeste, amarelo-canário
E do branco algodão
Alquimista do cravo e canela
Do alecrim e do manjericão

Temperou o mar com o sal, fez o doce do mel,
Fez azedo o limão
Esculpiu chapadões, cordilheiras
E um dia, pra Ele, as bandeiras tremularão

Sobre a canção:
Voz e violão: Silvestre – Acordeon: Oswaldinho do Acordeon – Baixo: Omar Campos – Bombo leguero, efeitos e pios: Jica – Surdo: Edir Gonçalves – Caxixi, triângulo e blocks: Fernando Soler – Vocais: Silvestre, André Santana e Glauber Plaça

Sobre o álbum “Alvissaras!”:
A produção é de Omar Campos. Oswaldinho do Acordeon dá uma pitada especial em algumas das canções. O álbum tem a participação vocal de Glauber Plaça, Joel Cardoso, André Santana e Sônia Polonca. A direção de arte e telas é feita por Anderson de Goes Monteiro.

Sobre o autor:
Saiba sobre a história, a obra e também notícias, artigos e a agenda do Silvestre Kuhlmann no seu site e blog no endereço http://www.silvestre.mus.br/.

Sobre o arquivo:
- Tempo: 3:37
- Tamanho: 5,1 MB
- Formato: MP3 estéreo 192 kbps


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…

Cultos – Silvestre Kuhlmann

Canção que faz parte do álbum “Milagres”, de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2009 com produção musical de Silvestre. Disponível em MP3 para download.

Additional DescriptionMais Detalhes

Letra:

Cultos
Wolô/Silvestre Kuhlmann

Sábios, ajuntai os alfarrábios;
Doutos, recolhei os livros soltos,
E uma grande montanha tereis.

Amassai feito banana a curta cultura humana,
Espremei desesperados gota a gota
Os postulados, teoremas e tratados de uma vez.

E vede se esse sumo mata a sede devida,
Se esse sumo mata a morte sem norte nem vida,
E vereis toda a ciência congruente que ajuntais
Impotente contra a ausência de eterna paz.

Aprendei a tabuada
Sem complexo de doutor
Que jamais uma coisa criada
É maior que o Criador.

Sobre a canção:
Silvestre Kuhlmann: violões, cavaquinho, chocalho, voz e vocais – Daniel Cavalcanti: flauta transversal – Alexandre Viriato: baixo elétrico – Gilson Oliveira: pandeiro

Sobre o álbum “Milagres”:
Álbum autoral de Silvestre Kuhlmann, lançado em 2009. Gravado e mixado no estúdio Remix, em Guarilhos (SP) de 19/12/2008 a 30/05/2009. Técnico de som: Raí Brasil – Mixagem: Raí Brasil e Silvestre Kuhlmann – Direção de arte e telas: Anderson Monteiro – Fotos: Marusia Saraiva e Fê Lopes.

Sobre o autor:
Para saber mais sobre Silvestre Kuhlmann visite seu site em silvestre.mus.br

Sobre o arquivo:
- Tempo: 2:41
- Tamanho: 6,3 MB
- Formato: MP3 estéreo 320 kbps
- Compactado com ZIP


link:
text:

R$ 2,00Preço:
Loading Atualizando carrinho…
LoadingAtualizando…